24 de fevereiro de 2024

Saiba como identificar uma bike roubada

1061
0

A pandemia popularizou de maneira nunca vista o ciclismo como esporte e atividade de lazer. Os novos praticantes ainda estão se familiarizando com o mercado de compra e venda de bikes usadas. Se há algum tempo só existiam as opções básicas, hoje há também aquelas com muitos recursos e, naturalmente, bem mais caras.

Ao tempo em que essa gama de opções favorece os ciclistas, que podem optar pelo modelo mais adequado às suas necessidades, a diversificação da oferta atraiu a atenção de criminosos. Ele enxergam no comércio de bicicletas roubadas um mercado bastante atraente.

Por isso, uma das preocupações de quem compra uma bike usada é saber se ela realmente pertence ao vendedor. É possível que uma oferta tentadora esconda a tentativa de repassar bicicletas roubadas a compradores pouco atentos. Por outro lado, desprezar o negócio em função da dúvida pode representar a perda de uma excelente oportunidade.

Face a esse dilema, como proceder? A resposta é simples: buscando meios para identificar se a bike é realmente de quem a está oferecendo. Por isso, apresentamos algumas dicas que podem dar pistas para reconhecer um negócio duvidoso.

SINAIS DE ALERTA PARA BICICLETAS ROUBADAS

Existem alguns indícios que, embora não possam se traduzir em certeza de que a bike foi roubada, devem despertar uma atenção maior do comprador. Confira:

PREÇO MUITO ABAIXO DO VALOR DE MERCADO

Atualmente, é muito fácil e rápido fazer uma pesquisa para saber o valor médio de uma bike. Assim, ao receber uma oferta ou identificar um anúncio interessante, verifique se a quantia está de acordo com o que o mercado pratica.

É claro que existem fatores que podem tornar o preço de venda um pouco mais baixo — algum pequeno defeito, por exemplo —, mas “descontos” exorbitantes e valores muito inferiores podem representar que se trata de um produto roubado ou até de algum grave problema oculto.

FOTO NÃO CORRESPONDE AO PRODUTO ANUNCIADO

Para atrair compradores e, ao mesmo tempo, não chamar a atenção do verdadeiro dono, os criminosos não costumam publicar fotos reais da bike que estão tentando vender, mas fotos genéricas do mesmo modelo.

Por isso, esteja atento a detalhes exibidos nos anúncios e confira, ao vivo, se a bicicleta é a mesma. Se possível, leve consigo as fotos ou a oferta em meio digital para fazer essa verificação in loco.

VENDEDOR NÃO CONHECE A BIKE

Uma dica interessante é confrontar o vendedor com algumas questões básicas. Pergunte sobre o histórico da bike, troca de peças, ano de série, modelo etc. Se perceber que ele se atrapalha nas respostas ou se mostra inseguro, desconfie. Afinal, se a bicicleta fosse sua, você não saberia responder a esses questionamentos simples?

Esperamos ter contribuído para aumentar a sua segurança na hora de adquirir uma bike usada. Leia outras dicas para ciclismo em nosso portal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui